Tecnologia do Blogger.

Resenha: Orgulho e preconceito de Jane Austen.

Livro:Orgulho e Preconceito.
Autora:Jane Austen.
Editora:LPM Pocket.


Sinopse:"É verdade universalmente reconhecida que um homem solteiro em posse de boa fortuna deve estar necessitado de esposa."
É com essas palavras que Jane Austen inicia Orgulho e preconceito, conduzindo o leitor diretamente ao lar dos Bennet,família com não menos que cinco noivas em potencial:Jane,Elizabeth,Mary,Kitty e Lydia.Quando o sr.Binglley e o sr.Darcy dois jovens distintos,chegam a Hertfordshire,todas ficam em alerta:eles são solteiros,bonitos e,claro,donos de uma boa fortuna.O que poderia ser uma típica história de amor é,nas mãos de uma das escritoras de língua inglesa mais difundidas pelo mundo,um espetáculo de grandes persongens e diálogos sagazes,com um timing perfeito para a ironia.



Falando sobre:Eu simplesmente amei!Todos me falavam do livro e diziam que era muito bom e os comentários faziam do livro um clássico,mas ,nunca passou por minha cabeça aquela vontade de ler o livro.Eu sempre pensava que a leitura do livro parecia pesada e cansativa,até que assisti o filme.Achei a história linda e resolvi comprar o livro e ler e para minha surpresa a leitura foi maravilhosa fluiu de uma tal maneira que li o livro numa velocidade recorde para mim.O livro faz jus a sua fama.E o modo como a autora escreve faz tudo parecer real na minha mente.
Mas a razão que faz do livro um dos meus queridinhos é a história.Eu vivi toda minha infância e boa parte de minha adolescência no campo o que me faz ao ler o livro ter aquela espécie de nostalgia já que o jeito e os costumes são tão iguais mesmo a história tendo ocorrido séculos atrás.Por exemplo:sair para andar e ver a natureza como a mocinha do livro Elizabeth costuma fazer.O jeito como as moças e os rapazes anseiam por uma novidade que possa mudar o ritmo pacato de viver.As fofocas e...muitas coisas que senti saudades quando li o livro.Eu recomendo!
   Cito logo abaixo um trecho que achei muito interessante e bastante atual:

" É verdade universalmente reconhecida que um homem solteiro em posse de boa fortuna deve estar necessitado de esposa.
  Por menos conhecidos que possam ser os sentimentos ou pontos de vista de tal homem em seus primeiros contatos com um novo ambiente,essa verdade está tão enraizada nas mentes das famílias vizinhas que o recém-chegado é considerado propriedade de direito das moças do lugar."(Cap.01,pg.19,par.1 e 2)

Comportamento bem típico de uma pequena sociedade rural.


Sobre a autora:
Jane Austen nasceu em Steventon ,Inglaterra em 16 de dezembro de 1775 e faleceu em 18 de julho 1817 em Winchester.Sétima filha do pároco anglicano George Austen e sua esposa Cassandra Leigh.Jane permaneceu solteira durante toda a sua vida tendo dito a seguinte frase:"É melhor ser uma tia amorosa do que uma escritora de fama."É autora de grandes sucessos sendo seu primeiro Razão e sensibilidade ,o segundo Orgulho e preconceito entre outros.

Resenha:A menina que roubava livros.

Livro:A menina que roubava livros.
Autor:Markus Zusak.
Editora:Intrinseca.
Páginas:478.

Sinopse:ENTRE 1939 e 1943,Liesel Meminger encontrou a Morte três vezes.E saiu suficientemente viva das três ocasiões para que a Própria,de tão impressionada,decidisse nos contar sua história que,nas palavras dirigidas ao leitor pela ceifadora de almas no início de A menina que roubava livros,"é uma dentre a pequena legião que carrego,cada qual extraordinária por si só.Cada qual uma tentativa__uma tentativa que é um salto gigantesco__de me provar que você e a sua existência humana valem a pena."

Essa mesma conclusão nunca foi fácil para Liesel.Desde o início de sua vida na Rua Himmel,numa área pobre de Molching, cidade desenxabida próxima a Munique,ela precisou achar formas de se convencer do sentido de sua existência.Horas depois de ver seu irmão morrer no colo da mãe,a menina foi largada para sempre aos cuidados de Hans e Rosa Hubermann,um pintor desempregado e uma dona-de-casa rabugenta.Ao entrar na nova casa,trazia escondido na mala um livro,O manual do coveiro.Num momento de distração,o rapaz que enterrara seu irmão o deixara cair na neve.Foi o primeiro dos vários livros que Liesel roubaria ao longo dos quatros anos seguintes.

E foram estes livros que nortearam a vida de Liesel naquele tempo,quando a Alemanha era transformada diariamente pela guerra,dando trabalho dobrado à Morte.O gosto de roubá-los deu à menina uma alcunha e uma ocupação;a sede de conhecimento deu-lhe um propósito.E as palavras que Liesel encontrou em suas páginas e destacou delas seriam mais tarde aplicadas ao contexto da sua própria vida,sempre com a assistência de Hans,acordeonista amador e amável,e Max Vandenburg,o judeu do porão,o amigo quase invisível de quem ela prometera jamais falar.

Falando sobre: Há muito tempo vinha querendo ler este livro,e à muito vinha adiando,mas quando soube que iria virar filme eu comecei a lê-lo.Sempre gosto de ler o livro primeiro e depois assistir ao filme.Já faz um tempinho que eu terminei de lê-lo e ainda não assisti ao filme.É com muita ponderação que venho aqui falar sobre ele.Geralmente quando eu gosto muito de um livro fico sem palavras para falar sobre ele.Fico assim repetindo toda vez que alguém me pergunta se gostei:"é muito bom" e não consigo dizer mais nada.Esse livro me emocionou bastante pelo fato de falar de um assunto que me emociona muito:a luta dos judeus pela vida e liberdade na segunda grande guerra.

" Você poderia dizer que as coisas foram fáceis para Liesel Meminger.E foram mesmo,em comparação com Max Vandenburg.É claro, o irmão praticamente morrera em seus braços.A mãe a havia abandonado.Mas qualquer coisa era melhor do que ser judeu."(Pág.147,p.01)

Todo o livro é narrado pela Morte,que sempre gosta de atribuir cores no momento de ceifar uma alma.De tão impressionada com a força e a coragem da protagonista Liesel  resolve contar sua história,não é qualquer um que tem sua história contada pela morte.

"Uma verdadezinha.Eu não carrego gadanha ou foice.Só um manto preto com capuz quando faz frio.E não tenho aquelas feições de caveira que vocês parecem gostar de me atribuir a distância.Quer saber minha verdadeira aparência?Eu ajudo.Procure um espelho enquanto eu continuo."(Pág.271)

E no meio de tudo isso tem os livros(,Liesel Meminger é das minhas,e não.Não roubo livros.),é o que dá sentido e forças a vida dela.Ela os roubam,não por que ama lê-los.Ela nem sabia ler quando roubou o primeiro livro pra início de conversa,mas porquê eles exercem um fascínio sobre ela.Como todo amante de livros não basta lê-los temos que tê-los para sempre relê-los.

A menina que roubava livros é um livro sem igual(eu até chorei no final)com personagens marcantes como Hans Hubermann(adorei a escolha do autor para interpretá-lo no filme)é um pai com tudo que tem direito.Rosa Hubermann é vista como rabugenta ,mas sempre a vejo como o esteio da casa,a preocupada.Max Vandenburg ,o judeu que Hans e Rosa Hubermann esconde no porão,que parece que está se desmanchando aos nossos olhos,sempre escondendo e agradecido pelas sobras que lhe cabem.

"Imagine sorrir depois de levar um tapa na cara.Agora imagine fazê-lo vinte e quatro horas por dia.Era essa a tarefa de esconder um judeu."(Pág.190)

E havia Rudy,o amigo mais querido de Liesel ,seu companheiro e cúmplice nos roubos de livros e maçãs.O amigo que sempre lhe pedia um beijo quando lhe fazia algo e que lhe é concedido quando ele não pode mais pedi-lo.O namorado que Liesel nunca teve.

A vida nunca é fácil.Viver é uma aventura!E uma aventura exige diversão e perdas!Perdemos pessoas que amamos e ganhamos pessoas que vamos amar!Então,nossa existência sempre vale a pena!

Como dizem os Smurfs(nada a ver olha só):Smurfei demais esse livro!!!

Bjus,

A menina e seus livros.

Sobre o Autor:

Markus Zusak é o autor de Fighting Ruben Wolfe,Getting the Girl e Eu sou o mensageiro,todos acolhidos com críticas radiosas nas revistas Publishers Weekly,School Library Journal,The Bulletin e Booklist,e recebeu o Prêmio  do Livro do Ano para Leitores Mais Velhos ,concedido pelo Conselho Australiano de Livros Infantis.
Nasceu em 23 de junho de 1975,em Sydney,Austrália, onde mora e vive atualmente.

Tag: Arco-íris literário


Oiee,

Há uns dias atrás fui indicada pela May do  blog  www.livreando.com.br para fazer a tag "arco-íris literário", e aqui estou para fazer a primeira tag do blog.

As regras da tag são:

  • Postar foto das 5 melhores capas da sua estante.
  • Postar foto do seu arco-íris literário(uma composição de livros nas cores vermelho,laranja,amarelo,verde,azul,anil e violeta.
  • Responder uma entrevista coletiva.
  • Indicar 10 blogs com menos de 200 seguidores.


As 5 melhores capas da minha estante.

A Pousada do fim do rio de Nora Roberts___Êxtase de Lauren Kate____A Cabana de Willian P.Yong___O Herói Perdido de Rick Riordan ____Marina de Carlos Ruiz Zafón.

Meu arco-íris literário.


A entrevista coletiva.
1.Como escolheu o nome do blog?
R.O motivo por eu ter escolhido  A menina e seus livros foi por que eu sempre coloco minha visão ou seja meu ponto de vista de cada livro,se eu gostei ou não.Por isso eu escolhi A Menina (meu ponto de vista) de meus livros.

2.Quanto tempo se dedica ao blog?
R.Nesse aspecto eu deixo muito a desejar.Porquê?Porque trabalho o dia inteiro e a noite eu vou para a faculdade(Cursando Física) e os finais de semana e qualquer outro tempinho eu gosto de dar uma atualizada por aqui,quando a Física deixa ,sabe  ela é muito ciumenta,rsrsrs...

3.Já teve algum problema com os comentários anônimos no blog?Qual?
R. Ainda não.Eles ainda estão muitos escassos por aqui,para gerar esse tipo de problema...

4.Você se inspira em outros blogs?Qual?
R. Eu me inspiro em vários blogs e espero ser tão boa quantos eles se for possível.Mas em nenhum em especial,sabe.

5.Há quanto tempo está na blogosfera?
R. Há aproximadamente 10 meses.

6.Quantos blogs visita por dia?
R.Não visito blogs diariamente,como disse antes não tenho muito tempo.Mas quando eu posso eu visito em média de 3 ou 5.

7.Quantos livros lê por mês?
R. Em média 2.A não ser algum daqueles livros que leio dAs Crônicas de Gelo e Fogo,costumo demorar mais de um mês para lê-los,ainda estou no 3º livro,acredita?

8.Livros curtos ou grandes?
R.Grandes,com certeza.Melhor ainda se forem crônicas ou sagas ou trilogias ou...

9.Já ficou sem inspiração para postar?Como superou isso?
R. Acontece numa frequência absurda.Ainda estou tentando superar,mas toda vez que leio um livro eu anoto algumas partes interessantes para que quando a inspiração volte eu me lembre da empolgação que tive quando estava lendo.

10.Pretende mudar algo no blog em 2014?
R. Ainda não.Mas ainda há muita água para passar debaixo da ponte até o fim de 2014,né.

10 indicações de blogs para fazer essa tag.

http://www.levolivrosparaondevou.blogspot.com.br/


Bom pessoal acho que vou fazer somente 1 indicação.Mas fica a vontade quem quiser fazer a tag também.

Até,


Bjus.


A menina e seus livros.




Parceria:Editora Andross.

Oieeee!!!

É com muita alegria que venho compartilhar aqui no blog minha primeira parceria.
Muito legal,né.Tô muito feliz!Vamos conhecer um pouco da história da editora?Então vamos lá:

Em agosto de 2004, a Andross Editora nasceu no campus da Universidade Cruzeiro do Sul, em São Paulo, para abrir espaço no mercado editorial aos alunos que não tinham condições de publicar seus primeiros textos. Iniciou as atividades com obras acadêmicas, mas cresceu e se mantém no mercado graças a um modelo de negócio diferenciado: a publicação de antologias.

Para mais informações visitem o sítio da editora: http://www.andross.com.br/ e 
O blog: http://www.blogdaandross.com/

E agora o logo que vai aparecer no cantinho do meu blog:


Legal!


Bye,

A menina e seus livros.

Resenha:Toda Sua de Sylvia Day(Série Crossfire).

Livro:Toda Sua (1°livro da série Crossfire).
Autora:Sylvia Day.
Editora:Paralela.
Páginas:336.

Sinopse: Gideon Cross entrou na minha vida como uma relâmpago na escuridão...
Ele era inteligente,bem-sucedido,rico e muito lindo.Fiquei obcecada por ele como nunca tinha ficado por ninguém,por nada.Ansiava por seu toque como uma droga,mesmo sabendo que aquilo acabaria me destruindo.Eu tinha meus problemas,e ele fez com que viessem à tona muito facilmente.Gideon sabia.Ele também tinha seus problemas.E nós acabaríamos sendo o espelho que refletia os traumas e os desejos mais secretos do outro.Seu amor me transformou,e eu rezava para que nosso passado nao nos separasse...

Minha opinião: Comparado à Cinquentas Tons esse livro é muito melhor.Apesar de ser parecidos,talvez por ser do mesmo gênero literário, a estória deste é muito mais envolvente ,muito mais gostosa de se ler.Eu o li em apenas dois dias.Recorde pra mim,já que sou meio lenta na leitura.A estoria de Eva e Gideon parece ser bem mais verdadeira do que da Anastasia Steele e Christian Gray e muito menos melosa.E ainda aborda um tema bem conhecido nosso o abuso sexual infantil por pessoas de  dentro da  nossa própria casa.Gostei muito mais de Toda Sua do que de Cinquenta Tons de Cinza.Mas por se pareceram ocorreu o mesmo que com Cinquentas Tons, o primeiro livro sempre é muito bom e  eu li rapidinho mas no segundo livro empaquei.Empaquei em Cinquenta Tons mais Escuro e empaquei em Profundamente Sua e provavelmente não irei desempacar.Porque não sinto nenhuma inclinação para isso.Então é isso...

Bye ,

A menina e seus livros.

Sobre a Autora:

Sylvia Day é autora de diversos bestsellers premiados,publicados em 40 países.Foi nomeada melhor autora pelo Goodreads Choice Award.Dentre suas obras estão a série Crossfire.

P.S: Sem muita informação sobre a autora.

Estou lendo:A Fúria dos Reis de George R.R.Martin.

Gente,estou lendo o segundo livro dAs Crônicas de Gelo e Fogo e UAU....Não consegui conter minha admiração pelo o autor e a minha paixão pela estória.Que antes de terminar de ler eu venho aqui falar desse livro.
Eu li A Guerra dos Tronos e como já disse aqui antes continuo apaixonada por Bran e Daenerys.Mas me apaixonei por outros personagens como e principalmente Tyrion Lannister.Por Arya,e Jon Snow.
Tyrion Lannister me surpreende.É o homem mais inteligente,perspicaz ,justo e bondoso do qual já li até agora,por enquanto, por que pode haver uma reviravolta já que esse autor é uma caixinha de surpresa.
É bom que cada capítulo é contado do ponto de vista de cada personagem e que assim ficamos sabendo como é o caráter de cada um.Por exemplo,o bastardo Stark Jon Snow é mais nobre do que Theon Greyjoy.E que Arya...Meu D'us haja tanta fibra e coragem para essa garotinha.E que Daenerys continua sendo a mesma meiga e sonhadora de sempre,não sei como melhor descrevê-la.Até a Sansa,que eu não havia me simpatizando com ela,está criando sangue nas orelhas.Já não é tão sonsa,mas também depois que aquele principezinho Joffrey fez com ela,seria demais ela não criar,né.Se bem que mereceu.Bom gente é  muito bom ver o desenvolvimento dos personagens e melhor ainda é saber que eles são tão reais como a gente.Bons e maus.Sempre temos os dois dentro de nós,mesmo que não queiramos admitir.Esse livro promete!Afinal essa série promete!Eu recomendo!Degustanto devagar...

Bye,

A menina e seus livros.

Total de visualizações de página

A menina e seus livros Copyright © 2013 - Todos os Direitos Reservados